14 de set de 2007

Algumas Dicas para Marinheiros de Primeira Viagem

E estamos prestes a mergulhar em mais um Festival do Rio! A cada ano, o evento solidifica sua posição como um dos mais importantes do mundo. O Festival abre para o público na próxima sexta, dia 21 (a abertura oficial, na quinta, é só para convidados). Mas como escolher, dentre mais de 300 opções divididas em tantas mostras? Afinal de contas, é tanto para ver em tão pouco tempo. A triste verdade é que o pobre cinéfilo sempre vai perder alguma coisa imperdível. Mas aqui vão algumas dicas que podem minorar o sofrimento:

- Ao montar sua programação, evite filmes sinalizados com a sigla LP, ou seja, Legenda em Português. Se o filme já está legendado, quer dizer que alguma distribuidora já comprou. O máximo que pode acontecer é ele ficar muito tempo engavetado e, um belo dia, ser lançado direto em DVD. Mas é como dizem, antes tarde que nunca. Dê preferência aos filmes com LEP (Legenda Eletrônica), pois esses ainda não têm distribuição garantida. É claro que pode acontecer de um filme com LEP ser comprado, legendado e estrear em tempo recorde, mas estamos no campo das probabilidades.

- Se estiver muito a fim de ver algum filme nacional, não se prive disso achando que, por ser brasileiro, o filme deve entrar logo em cartaz. Não necessariamente. Lost Zweig, por exemplo, passou no Festival de 2004 e só foi lançado comercialmente agora em 2007. E a incidência é ainda menor dentre os documentários e curtas – estes últimos dificilmente são vistos fora de Festival.

- De todas as mostras, a que costuma colocar menos filmes no circuito depois é a Mundo Gay. Só para dar uma idéia, nenhum dos dez filmes mostrados no ano passado estreou até agora. E não se enganem pela segmentação: não é uma mostra só para quem é militante da causa, existem ótimos filmes escondidos sob este rótulo. Foi nela que passou, em 2005, o excelente Transamérica, filme que posteriormente deu uma indicação ao Oscar a Felicity Huffman.

- O contrário acontece com a Panorama. É, de longe, a mostra mais badalada, por ser um apanhado dos competidores dos principais festivais do mundo inteiro. Esse ano tem Gus Van Sant, Carlos Saura, David Lynch, Kim Ki-Duk, Ang Lee, Michael Moore, Neil Jordan, Robert Rodriguez, Quentin Tarantino.

- Se montar programação com antecedência não é uma das suas virtudes, dê preferência a cinemas grandes. Paissandu, Odeon e Palácio 1 são boas pedidas para o pessoal que gosta de resolver tudo na última hora.

- A relação completa de todos os filmes, bem como dias e horários de exibição, costuma sair num encarte do jornal O Globo no sábado que antecede a abertura do Festival. Ou seja, neste sábado, dia 15.

Fiquem conectados que logo estaremos dando mais dicas.

Bom Festival para todos nós!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...