14 de mai de 2008

Mostra "Nas Bordas Do Cinema Brasileiro"

Dica do brilhante Carlos Reichenbach no seu blog “Reduto do Comodoro” (parada obrigatória), a Mostra "Nas Bordas do Cinema Brasileiro", realização conjunta do IV Encontro Científico Anhembi Morumbi e Mestrado em Comunicação, promoverá entre 27 e 30 de maio a exibição gratuita de 10 filmes de realizadores autodidatas de várias regiões do país, moradores de cidades pequenas ou de arredores das grandes capitais.

São filmes que misturam a cultura popular, o massivo, o regional em produções que se tornam possíveis pelo surgimento de uma tecnologia acessível, em termos econômicos, e que se caracterizam, como modo de produção, como uma contra corrente da produção habitual, concentrada cada vez mais em grandes orçamentos.

Fazem parte da Mostra os conhecidos Afonso Brazza, de Brasília, o homenageado que abre o programa com o faroeste "Gringo Não Perdoa, Mata", e o pernambucano Simião Martiniano, do fantástico "A Rede Maldita", ao lado de jovens realizadores do sul do país, fissurados por filmes de terror e canibalismo, como o irreverente Petter Baierstorf, de Santa Catarina, de "Zombio", e o paulista Joel Caetano, autor de "Minha Esposa É um Zumbi".

A mostra é gratuita e os filmes serão apresentados por especialistas.

Programação


27/05 : 19hs30
Recuerdos da República (2002), de Marcos Bertoni, São Paulo/SP, 6 min.
Gringo não perdoa, mata (1995), de Afonso Brazza, Brasília/DF, 78 min.

28/05: 11hs00 às 14hs00 e 19hs00 às 23hs00
Rambú III, o rapto do Jaraqui Dourado (2007), de Manoel Freitas, Junior Castro & Adilamar Halley, Manaus/AM, 32 min.
A bruxa do cemitério (2004), de Semi Salomão Neto, Apucarana/PR, 45 min.
A rede maldita (1991), de Simião Martiniano, Recife/PE, 123 min.

29/05: 11hs00 às 14hs00 e 19hs00 às 23hs00
O homem sem lei (2006), de Manoel Loreno, Mantenópolis/ES, 72 min.
Canibais & solidão (2006), de Felipe M. Guerra, Carlos Barbosa/RS, 100 min.

30/05: 11hs00 às 14hs00 e 19hs00 às 23hs00
Zombio (1999), de Petter Baierstorf, Palmital/SC, 45 min.
Minha esposa é um zumbi (2006), de Joel Caetano, São Paulo/SP, 24 min.
O suicídio (2007), de Pedro Onofre, Maceió/AL, 100 min.

Mostra Nas Bordas do Cinema Brasileiro


27 a 30 de Maio de 2008
Sessões: 11h às 14hs e 19h às 23h
Local: Universidade Anhembi Morumbi – Campus Centro.
Sala de Cinema – 1º. Andar
Rua Dr. Almeida Lima, 1134 – Brás.
Metrô Bresser

Um comentário:

gabriel disse...

onvido para ver o filme "O Contador de Histórias"


O filme é um prato cheio para Pedagogos e estudantes de pedagogia, interessados nos temas voltados a alfabetização de crianças e adolescentes expostos à pobraza e a criminalidade. O filme "O Contador de Histórias"
tem previsão de ser lançado No dia 7 de Agosto, e tem a diração de Luiz Villaça.O filme relata a história real vivida por Roberto Carlos Ramos, um menino de familia pobre, que acaba por entrar na FEBEM, sendo "adotado" por uma pedagoga francesa que o tira da criminalidade e lhe ensina o o talento de contar histórias através do incentivo à leitura.O trailer do filme pode ser encontrado no YouTube: http://www.youtube.com/watch?v=1Aqn_jO_HAM
vale a pena assistir!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...